Yolanda Hopkins sagra-se tricampeã

A olímpica Yolanda Hopkins venceu, neste primeiro dia de Setembro, pela terceira vez consecutiva a Miss Costa Nova Cup, levando de vencida na final a líder do Campeonato Nacional de Surf Feminino, Francisca Veselko.

Yolanda Hopkins Foto Andre Neto

 Yolanda Hopkins

Em caso de vitória na final, Francisca Veselko assegurava desde já o título nacional, mas Yolanda Hopkins esteve muito forte na final, apesar da melhor nota nesta bateria ter sido da surfista que acabou em segundo lugar.Hopkins somou 12.50 pontos (6.00 e 6.50), enquanto Veslko conseguiu um score de 11.50 pontos (7.00 e 4.50).As condições de mar estiveram novamente muito difíceis, tendo a primeira chamada para a disputa da Ronda 3 ter acontecido às 6h30, com as atletas a irem para a água uma hora depois. Seguiu-se uma longa espera até cerca das 16h00, altura a partir da qual se disputaram as meias-finais e a final.

Yolanda Hopkins  Foto Andre Neto

Yolanda Hopkins

Foi preciso grande mestria para encontrar ondas surfáveis e pontuáveis e, por isso, as melhores chegaram à fase mais decisiva da contenda.
Nas meias-finais, enquanto Yolanda Hopkins remetia para o terceiro lugar Gabriela Dinis, Francisca Veselko afastava a sua mais directa competidora pelo título nacional.
Apesar das poucas ondas, houve muita competitividade e emoção, com constantes alterações das baterias desde a Ronda 3 até à final. Todas as atletas deram o seu melhor e, praticamente, todas conseguiram passar pela liderança das respectivas baterias. No entanto, o que conta é como acaba e não como decorre, pelo que Yolanda Hopkins, a quem o mar da 17ª edição da Miss Costa Nova Cup fez lembrar o mar do Japão, onde alcançou o quinto lugar nas Olimpíadas, bem conhecedora do mar da Costa Nova, logrou conquistar o seu tricampeonato em Ílhavo.

Onda Solidaria Foto Andre Neto

Prémio Onda Solidária

No derradeiro dia de competição foram surfadas 101 ondas, que somam às 282 de ontem e ainda às 104 do qualifying, pelo que no total a Onda Solidária (cada onda surfada representa um euro) doa 487 euros para o Lar do Divino Salvador, IPSS de Ílhavo que acompanha mães solteiras e vítimas de violência doméstica.

Melhor Onda Carolina Mendes Foto Andre Neto

Melhor Onda: Carolina Mendes

A melhor onda do campeonato foi alcançada no primeiro dia do quadro principal por Carolina Mendes (7.75), tendo a melhor onda de quarta-feira, por Francisca Veselko (7.00) entrado para o lote das segundas melhores.
Também nos resultados, Carolina Mendes manteve a pontuação mais alta, que trazia da véspera (13.75 pontos), tendo Yolanda Hopkins conseguido o segundo melhor score, com a pontuação da final (12.50 pontos).

Miss Simpatia Foto Andre Neto

 Miss Simpatia 2021: Gabriela Dinis

Gabriela Dinis foi eleita a Miss Simpatia 2021, numa edição da Miss Costa Nova Cup em que o mar não esteve como noutros anos, mas em que o ambiente e a competitividade foram como sempre, ou seja, muito bons.

Aulas De Surf Foto Andre Neto

Experiência de surf pela Associação de Surf de Aveiro

Já sem tanta gente no areal, porque para muitos as férias acabaram em Agosto, a experiência de surf, pelos monitores da Associação de Surf de Aveiro, reuniram, novamente, muitos candidatos, de todas as idades e género.

DECLARAÇÕES DAS FINALISTAS

Yolanda Hopkins Foto Andre Neto

Yolanda Hopkins

1º lugar 
YOLANDA HOPKINS – “É sempre bom voltar à Costa Nova, gosto muito de vir aqui a este campeonato, porque dou-me bem com estas ondas. Apesar das condições muito difíceis foi um campeonato muito competitivo. Sem hipóteses de lutar pelo título, vim aqui para me divertir e para manter o pé na prancha, porque avizinha-se um campeonato muito importante para mim. Já fiz aqui cinco finais e consegui vencer estes três últimos anos, o que me deixa muito satisfeita. Este tem sido um bom ano para mim”.

Francisca Veselko Foto Andre Neto

Francisca Veselko

2º lugar
FRANCISCA VESELKO – “Estou muito satisfeita com o meu surf neste campeonato, pois consegui passar sempre até à final. Este é o meu quarto segundo lugar na Liga MEO, mas estou apenas a 20 pontos do t´tulo nacional, que é o meu grande objectivo. Vou a Peniche para conseguir o título, mas estou muito satisfeita com o que fiz aqui, mesmo sem o ter conseguido garantir aqui na Costa Nova”.

Carolina Mendes Foto Andre Neto

Carolina Mendes

3º lugar
CAROLINA MENDES – “Foi um campeonato com poucas ondas e não era o que gosto mais. Mesmo assim, consegui-me superar nestas condições. A meia-final foi um heat difícil, com muito poucas ondas para surfar. É muito difícil surfar nestas condições e a Kika [Francisca Veselko] foi melhor do que eu a encontrar as ondas. A luta pelo título nacional continua e tenho que me focar naquilo que controlo, que é o meu surf. É fixe ser um campeonato só de miúdas”.

3º lugar
GABRIELA DINIS – “As ondas eram muito pequenas, mas foi igual para todas. Este é um mar que não me favorece. Nas rondas anteriores fui conseguindo passar, mas na meia-final, a determinada altura, o mar parou e não consegui a vitória”.


Fotos: André Neto